Criado o Fórum Paulista de Conscientização do Envelhecimento

Parte das pessoas que compareceram no 1º Encontro para criação Fórum Paulista da Sociedade Civil de Conscientização do Envelhecimento, em 7/7/2017, no auditório do Hospital Santa Catarina, em São Paulo. Foto: jornal3idade.com.br
Parte das pessoas que compareceram no 1º Encontro para criação Fórum Paulista da Sociedade Civil de Conscientização do Envelhecimento, em 7/7/2017, no auditório do Hospital Santa Catarina, em São Paulo. Foto: jornal3idade.com.br

A ideia de criar no Estado de São Paulo um espaço de debate sobre o envelhecimento da população, com a presença de representantes de serviços públicos e privados, dos mais diferentes segmentos, sem hierarquia formal, aonde todos possam participar de forma colegiada, podendo discutir as necessidades comuns, era uma vontade antiga, de várias pessoas.

No último dia 7 de julho, sexta-feira passada, esse “espaço” começou a nascer com a criação do Fórum Paulista da Sociedade Civil de Conscientização do Envelhecimento.

A primeira reunião para sua formação ocorreu no auditório do Hospital Santa Catarina, com a presença de 77 pessoas, representantes de entidades de apoio, conselhos municipais de idosos, serviços de apoio aos idosos, funcionários públicos, fóruns regionais de idosos, professores e alunos de gerontologia.

Esse encontro inicial teve uma seleção de convites controlada, em função do espaço, que só comportava 80 lugares, mas recebeu a adesão, por e-mail, de muitas outras pessoas, das várias regiões do Estado de São Paulo, dispostas a participarem, que ficaram sabendo pelos que foram convidados.

Uma segunda reunião, dessa vez aberta para todos os interessados, está marcada para o próximo dia 27 de setembro, uma quarta-feira, das 14 horas às 17 horas, no auditório do Hospital Santa Catarina, na Avenida Paulista, 200. Desta vez teremos 220 lugares e as pessoas interessadas devem se inscrever antecipadamente pelo formulário.

1º Encontro para criação do Fórum Paulista da Sociedade Civil de Conscientização do Envelhecimento, em 7/7/2017, no auditório do Hospital Santa Catarina, em São Paulo. Foto: jornal3idade.com.br
1º Encontro para criação do Fórum Paulista da Sociedade Civil de Conscientização do Envelhecimento, em 7/7/2017, no auditório do Hospital Santa Catarina, em São Paulo.          Foto: jornal3idade.com.br

A proposta do Fórum Paulista da Sociedade Civil de Conscientização do Envelhecimento é criar um espaço que além de debater as necessidades dos idosos em São Paulo, possa cobrar das autoridades competentes a efetivação de leis e regulamentações já existentes, que ainda não foram efetivadas.

Primeira reunião

O 1º Encontro foi importante para esclarecer que não existe a pretensão de criar um novo fórum que se sobreponha a qualquer outro. A coordenação será “horizontal” com todas as representações com o mesmo “peso”. Pelo contrário, que abra espaço para todos e assim possa se fortalecer com “bandeiras” comuns que possam repercutir junto as autoridades, aos meios de comunicação e aos poderes públicos.

Nos vários depoimentos dados pelos participantes, ficou claro que existem muitas iniciativas importantes, tanto na Capital como no Interior, várias pioneiras na defesa dos idosos, mas que têm conseguido poucos resultados efetivos, nos últimos tempos, na efetivação de ações necessárias.

Foi lembrado por várias pessoas que existem várias expectativas que são comuns a todos. Uma das inquietudes de consenso é saber, por exemplo: quais deliberações das conferências nacionais e estaduais foram realmente realizadas?  depoimentos

Comissão Provisória

Nesse 1º Encontro foi constituída uma Comissão Provisória que vai organizar o próximo encontro, do dia 27 de setembro. A ideia é que nesse segundo encontro essa Comissão seja ampliada e referendada para se manter na organização dos próximos eventos.

Fazem parte dessa Comissão Provisória:

Erika Prudente – da cidade de Diadema, na Grande São Paulo

Fabiana Satiro de Souza– da empresa 50mais Ativo -São Paulo- Capital

Gerson Ribeiro Magalhães– Lar Madre Regina- Conselho do idoso de Guarulhos – Grande S.Paulo

Hermínia Brandão– Jornal da 3ª Idade- Fórum Permanente de Políticas Públicas Para Pessoas Idosas do Centro– São Paulo- Capital

José Carlos Ferrigno– Gerontólogo- autor de livros sobre trabalho Intergeracional-  S. Paulo- Capital

Madalena Costalunga –Fórum da Pessoa Idosa da Capela do Socorro- Zona Sul -São Paulo- Capital

Maria Cida Costa – Conselheira do GCMI- Grande Conselho Municipal do Idoso de SP – Fórum Permanente de Políticas Públicas Para Pessoas Idosas do Centro– São Paulo- Capital

Maria do Socorro Alves – ONG Nosso Sonho- Fórum do Idoso do Colegiado Leste- Zona Leste São Paulo- Capital

Neide Duque – Vila dos Idosos do Pari- Conselheira do GCMI- Grande Conselho Municipal do Idoso de SP – Fórum Permanente de Políticas Públicas Para Pessoas Idosas do Centro– São Paulo- Capital

Olga Quiroga –coordenadora do GARMIC- Grupo de Articulação para Moradia do Idoso da Capital- Fórum Permanente de Políticas Públicas Para Pessoas Idosas do Centro– São Paulo- Capital

Rosangela de Paula Neves – Advogada- Mediadora do Tribunal de Justiça de São Paulo

Vera Caovilla – fundadora da ABRAZ – atual diretora da empresa 50mais Ativo -São Paulo- Capital

Vera Lúcia da Silva – Fórum do Cidadão Idoso de São Mateus – Zona Leste da Capital