Fórum Paulista do Envelhecimento faz seu último encontro de 2017 dia 8/12

O Fórum Paulista de Conscientização do Envelhecimento marcou para a sexta-feira, dia 8 de dezembro, o seu último encontro de 2017, das 14 às 17 h 30 na Sala dos Estudantes, da Faculdade de Direito da USP, no largo São Francisco.

O Fórum Paulista que nasceu dia 7 de julho está crescendo e vem chamando a atenção de importantes lideranças da área do envelhecimento.

Esse de dezembro será o terceiro feito na Capital.

No dia 4 de agosto foi realizado o 1º Encontro de Diadema e Região do Fórum Paulista de Conscientização do Envelhecimentona Grande São Paulo, nas dependências do Inshttp://www.jornal3idade.com.br/?p=15778http://www.jornal3idade.com.br/?p=14520tituto de Ação Social Enéas Tognini, com 60 pessoas, representantes de quatro municípios.

1º Encontro de Americana e Região do Fórum Paulista de Conscientização do Envelhecimento, foi na sexta-feira 27 de outubro – o primeiro no Interior- na sede da Ordem dos Advogados do Brasil, contou com a presença de 90 pessoas, representantes de 11 municípios.

Segundo a Comissão Organizadora do Fórum Paulista de Conscientização do Envelhecimento, a pretensão é realizar encontros em todas as regiões do Estado, até o final de 2018. Cinco municípios já manifestaram a vontade de sediar encontros para apresentação do Fórum, no primeiro semestre de 2018, além dos encontros da Capital.

Dois temas foram escolhidos para o trabalho do Fórum Paulista de Conscientização do Envelhecimento: a Violência Contra a Pessoa Idosa e a efetivação do Artigo 22 do Estatuto do Idoso, no Estado de São Paulo.

O Artigo 22 do Estatuto do Idoso- Lei nº 10.741 de 01 de Outubro de 2003- que estabelece que serão inseridos nos currículos mínimos dos diversos níveis de ensino forma, conteúdos voltados ao processo de envelhecimento, ao respeito e à valorização do idoso, de forma a eliminar o preconceito e a produzir conhecimentos sobre a matéria. Vários Estados já estão trabalhando a matéria nas escolas, mas em São Paulo isso até hoje não passou das discussões.

A participação é aberta e gratuita, mas é preciso fazer a inscrição pelo formulário goo.gl/SFa3qf