2º Fórum Paulista do Envelhecimento em Diadema aprovou levantamento nas escolas da cidade para trabalhar o Artº 22

2º Fórum Paulista de Conscientização do Envelhecimento em Diadema. Foto: jornal3idade.com.br
Cia de Dança da Melhoridade de Diadema coordenada pelo coreógrafo Jurandir de Souza que fez as apresentações artísticas na abertura do 2º Fórum Paulista de Conscientização do Envelhecimento de Didema e Região. Foto:jornal3idade.com.br

O 2º Fórum Paulista de Conscientização do Envelhecimento realizado em Diadema na última quinta-feira, nas dependências da RECAD- Rede de Atenção à Criança e ao Adolescente de Diadema, definiu começar um levantamento nas escolas do município, para saber quem já desenvolve trabalhos com a terceira idade, mesmo em caráter informal, fora da grade curricular.

O trabalho será feito em parceria com o CMI de Diadema, presidido pela psicóloga Érica Prudente que faz parte da comissão organizadora do Fórum Paulista, desde que ele começou em julho de 2017.

Mesa com representantes das Secretarias Municipais e serviços de Diadema para os idosos, no 2º Fórum Paulista de Conscientização do Envelhecimento em Diadema. Foto: jornal3idade.com.br

O objetivo dessa tarefa é saber quais instituições de educação, mesmo sem a orientação oficial da parte da Secretaria Estadual de Educação, de fazer cumprir o Artigo 22 do Estatuto do Idoso, que determina a inclusão de conteúdo sobre envelhecimento nas escolas, estão promovendo intercâmbios intergeracionais.

Embora o Fórum Paulista já tenha feito um primeiro contato com o Projeto Escola da Família, da Delegacia de Ensino de Diadema, uma entrevista será agendada nos próximos dias.

O encontro contou com a participação de uma representante de Mauá, a psicóloga Solange Zilli, que também é Especialista em Gerontologia e trabalha na Secretaria de Promoção Social. Ela que vem acompanhando o Fórum Paulista desde o começo, abriu espaço em julho passado para a realização de um encontro na cidade.

A advogada Erica, representando a Divisão de Cidadania de São Bernardo do Campo, que também é conselheira do CMI da cidade, relatou algumas das alterações feitas no município e da transposição dos serviços dos idosos da Secretaria de Assistência Social, que também mudaram o enfoque do trabalho.

O Consórcio ABC não mandou um representante, mas Solange Zilli de Mauá e Érica de SBC fazem parte e mencionaram essa atuação.

Serviços do município

O evento contou com representantes dos principais trabalhos do governo municipal dirigidos aos idosos de Diadema que fizeram um breve relato de cada um dos departamentos.

Falaram dos serviços que estão sendo prestados a diretora da Proteção Social Básica de Diadema, Aracelia Lovato, a coordenadora do EJA-Educação de Jovens e Adultos, Simone, a diretora da Proteção Especial Social, Valquíria Longo, a presidente do CMI de Diadema, Érica Prudente, Vanda Regina Marques do CREAS e Thiago Ordinez, coordenador do Centro de Convivência da Melhor Idade.

Quando soubemos da realização dessa etapa itinerante do Fórum Paulista em Diadema achamos importante apoiar, porque tudo que amplie a discussão sobre as políticas públicas para os idosos interessa fortalecer. Aos idosos presentes afirmamos que é importante a participação para garantir que as coisas aconteçam, mesmo com as dificuldades. Todas as políticas são difíceis e essa caminha mais divagar. No Serviço de Proteção Social temos conseguido caminhar, ele foi reformulado e conseguimos abrir mais vagas, disse Aracelia Maria Sagrado Lovato, da Secretaria de Assistência Social que na gestão anterior era presidente do CMI de Diadema, na gestão anterior.

Palestra

2º Fórum Paulista de Conscientização do Envelhecimento em Diadema. Foto: jornal3idade.com.br

A palestra orientadora do 2º Fórum Paulista de Conscientização do Envelhecimento foi proferida pela professora Eva Bettine, graduada em Gerontologia pela USP, Mestre em Filosofia por Estudos Culturais, professora convidada da Escola de Artes, Ciências e Humanidades da Universidade de São Paulo Each/USP e presidente da ABG- Associação Brasileira de Gerontologia. A Profª Eva está na comissão organizadora do Fórum Paulista, desde a sua criação.

Ficou decidido também nesse segundo encontro que será criada uma Comissão Regional do Fórum Paulista para ampliar a atuação nos debates das questões referentes a implantação do Artigo 22 do Estatuto do Idoso, nas escolas, principal bandeira do Fórum Paulista da Sociedade Civil de Conscientização do Envelhecimento.

2º Fórum Paulista de Conscientização do Envelhecimento em Diadema. Foto: jornal3idade.com.br