ADI lançará Relatório Mundial sobre Alzheimer feito em 155 países dia 21/9

A ADI- Alzheimer’s Disease International vai lançar no dia 21 de setembro, Dia Mundial da Doença de Alzheimer, o Relatório Mundial sobre Alzheimer, que aborda as atitudes globais em relação à demência, com base em uma pesquisa com quase 70.000 pessoas em 155 países.

 Uma das principais conclusões dessa pesquisa mostra que 95% dos entrevistados acreditam que desenvolverão demência durante a vida.

No último domingo, 1º de setembro, a ADI e a OPAS- Organização Pan-Americana da Saúde lançaram  nas Américas uma campanha que incentiva as pessoas a conversarem de maneira mais confortável e aberta sobre a doença de Alzheimer e a demência.

A demência afeta mais de 50 milhões de pessoas em todo o mundo e esse número aumenta a cada 3 segundos. Mais de 10 milhões de pessoas estão vivendo com demência apenas na região das Américas. 

A demência é uma síndrome que afeta a memória, outras habilidades cognitivas e comportamentos que interferem significativamente na capacidade de uma pessoa de manter suas atividades cotidianas. Embora a idade seja o fator de risco mais forte conhecido para a demência, a condição não é uma parte normal do envelhecimento. A doença de Alzheimer é a forma mais comum de demência.

As mortes devido à demência mais que dobraram entre os anos 2000 e 2016, tornando-a a 5ª principal causa de morte global em 2016, em comparação com o 14º lugar em 2000. A prevalência de demência em todo o mundo está aumentando exponencialmente; estima-se que o número previsto de pessoas que vivem com demência triplicará dos 50 milhões atuais para 152 milhões em 2050.

21 de setembro Dia Mundial da Doença de Alzheimer