A aula de Dança Espanhola de llde Gutierrez é terapia e diversão

Profª Ilde Gutierrez,no CRECI, em SP.
Profª Ilde Gutierrez,no CRECI, em SP.

Pensar em ter uma aula de Flamenco, a dança que é um dos símbolos da cultura espanhola e que em 2010 foi considerado um patrimônio imaterial da humanidade pelo comitê intergovernamental da Unesco (Organização das Nações Unidas para a Ciência e a Cultura) pode ter muitos motivos.

O Flamenco- como várias outras modalidades de dança- oferece a oportunidade para as pessoas da terceira idade saírem do sedentarismo e ativarem a memória, pois é uma modalidade que se destaca pelos movimentos rápidos e por uma coreografia que exige muito ensaio.

Alguns geriatras defendem que ela pode ajudar a adiar manifestações de Alzheimer e da doença de Parkinson. Alguns fisiatras apontam que o uso do peso do corpo e os exercícios repetidos ajudam a manter a musculatura mais forte nas pernas e até nos glúteos e bíceps.

São inúmeras as vantagens de aprender a dançar Flamenco, mas com uma professora como Ilde Gutierrez as vantagens podem ser outras também.

A espanhola de 77 anos confessos, completados no último dia 12 de outubro de 2014, referência no Brasil no ensino da dança entre a comunidade espanhola, é um exemplo do quanto o Flamenco já alegrou e ajudou pessoas. Ela mesma continua bonita, não aparentando a idade que tem, lépida e faceira.

“Quando estou dançando estou fazendo a coisa que mais gosto no mundo. E fico feliz de ver senhorinhas antes tímidas que apesar da idade não tinham descoberto a sua sensualidade e que depois do Flamenco estão alegres e “espertas” como nunca imaginavam”, diz Ilde Gutierrez.

Embora seja uma dança para homens e mulheres, são elas que se destacam, seja pelos vestidos e complementos ou mesmo pelo fato de não ter que depender de um parceiro.

“A mulher pode comandar seus passos e isso contribui para que ela se liberte, desenvolva a sua sensualidade. E isso na terceira idade é muito importante, pois muitas vezes mulheres que tiveram uma vida boa se encolhem e depois da viuvez ou mesmo de uma separação ficam encolhidas”, garante a professora que é Arte Educadora, na Prefeitura Municipal de São Paulo.

O Flamenco-  Na sua origem o Flamenco contava apenas com o canto, mas com o tempo os efeitos das palmas, violão, sapateados e dança foram sendo adicionados. Suas origens remontam às culturas cigana e mourisca, com influência árabe e judaica.1 A cultura do flamenco é associada principalmente à região da Andaluzia, na Espanha, assim como a Múrcia e Estremadura.

Curso de Dança Espanhola, grátis, com a Profa. Ilde Gutierrez

No CRECI – Centro de Referência da Cidadania do Idoso

Endereço: Rua Formosa, 215, vale do Anhangabaú.
Fone: 3256-2291 ou 3259-4335.
Entrada gratuita