Prefeitura de São Paulo lançou novo Plano de Políticas Públicas para o Envelhecimento

Prefeito de São Paulo, Ricardo Nunes, falando no Polo Cultural da Terceira Idade do Cambuci, no ato de lançamento do Plano Intersetorial de Políticas Públicas para o Envelhecimento. Foto: Marcelo Pereira/Secom/PMSP
Prefeito de São Paulo, Ricardo Nunes, falando no Polo Cultural da Terceira Idade do Cambuci, no ato de lançamento do Plano Intersetorial de Políticas Públicas para o Envelhecimento. Foto: Marcelo Pereira/Secom/PMSP

A Prefeitura de São Paulo lançou na manhã da quinta-feira, 28 de outubro, nas dependências do Polo Cultural da Terceira Idade do Cambuci, um Plano Intersetorial de Políticas Públicas para o Envelhecimento para ser trabalhado nos próximos 3 anos, com todas as secretarias municipais.

A cerimônia, que contou com a presença do Prefeito Ricardo Nunes, também marcou a reabertura das atividades presenciais do Polo Cultural. No ato foi anunciado o projeto Recorda SP, como uma das ações do novo Plano, para registrar a memória de pessoas que trabalham pelo envelhecimento ativo na cidade.

Segundo o material de divulgação da Prefeitura, o Plano reúne 70 iniciativas de 15 secretarias e deve fomentar ações que aumentem a oferta de atividades e serviços para idosos da cidade. 

A Coordenação de Políticas para Pessoa Idosa da SMDHC, em conjunto com as demais secretarias municipais e com o Grande Conselho Municipal do Idoso, foram responsáveis pela formulação do plano, elaborado conforme as demandas apresentadas na IV Conferência Municipal do Idoso. O planejamento ainda incorpora questões que surgiram nos encontros para a execução do Instrumento de Diagnóstico para o Envelhecimento Ativo – IDEA/Idoso e IDEA/Gestor, que fizeram parte dos processos para a obtenção dos Selos Inicial, Intermediário e Pleno do Programa São Paulo Amigo do Idoso, do Governo do Estado de São Paulo, divulgou a Prefeitura.

O texto com a relação de todos projetos ainda não é de conhecimento dos Fóruns de Pessoas Idosas da cidade de São Paulo. O evento foi fechado somente para convidados e nenhum material ainda foi distribuído explicando cada etapa.

O Jornal da 3ª Idade, assim que receber o texto completo do Plano Intersetorial, conforme solicitou para a assessoria de imprensa da Secretaria  Direitos Humanos e Cidadania irá divulgar os conteúdos.

Na reunião mensal do Fórum de Políticas Públicas da Região Centro, realizada de forma virtual na última sexta-feira, 29 de outubro, foi aprovada a realização de uma reunião extraordinária para debater exclusivamente o Plano Intersetorial e dar conhecimento a todas as pessoas interessadas. A data está na dependência do Coordenador da Coordenação de Políticas para Pessoa Idosa da SMDHC, Renato Cintra, que foi convidado para falar sobre o novo Plano.