Concurso Miss e Mister do NCI Leão XIII, na Vila Maria Alta, foi alegre e divertido

José Menezes de Souza, o Princípe; João Queda Neto, o Mister 2019; Dionice Jesus de Oliveira, a MIss 2019 e Amélia Aparecida Granato Granai, a Princesa. Eleitos no Concurso Miss e Mister 2019 do NCI Leão XIII. Foto: jornal3idade.com.br

O NCI- Núcleo de Convivência do Idoso Leão XIII – Edith de Azevedo Marques, da Vila Maria Alta, na Zona Norte, da Capital, realizou ontem, 10 de outubro, o seu concurso de Miss e Mister 2019, com a presença de mais de 130 pessoas,  a maioria idosos da região e seus familiares.

A escolhida para ser a Miss 2019 foi Dionice de Jesus Oliveira, de 75 anos. O Mister 2019 do NCI é João Queda Neto, de 82 anos.

Como Princesa 2019  foi escolhida Amélia Aparecida Granado Granai, de 81  anos. O Príncipe 2019 é José Menezes de Souza de 60 anos.

O NCI é um trabalho do Centro Social Leão XIII uma ONG, fundada em 1941, que trabalha conveniada com a Prefeitura de São Paulo. Atende diariamente 120 idosos presenciais, em dois períodos (manhã e tarde) e faz visitas para mais 80 idosos na residência. O gerente do NCI é o cientista social, Rogério Fonseca e a assistente social, técnica do serviço é Aparecida Pereira Gomes Peruche.

A conselheira do Grande Conselho Municipal do Idoso de São Paulo, Maria Rosaria Paolone, que representa Região Norte, na executiva do GCMI, foi uma das juradas e  elogiou a iniciativa.

“As pessoas não imaginam como um concurso desse é importante para a autoestima dos idosos. Mesmo quem não vence desfila, faz pose, se apresenta da melhor maneira, cria expectativas. É emocionante e envolve todo mundo. Foi muito bom e estava bem  organizado, disse a representante do GCMI.